Marketing Digital

Marketing sensorial: saiba tudo sobre essa estratégia

6 Mins read

Em um mercado cada vez mais competitivo, utilizar estratégias eficazes para garantir um destaque entre as concorrentes é fundamental. O marketing sensorial é um desses recursos, que pode ajudar a alavancar as vendas de forma especial. 

Qualquer pessoa que já tenha atuado na área de vendas sabe da importância de garantir um bom atendimento ao cliente. Afinal, quanto melhor for o suporte prestado, maior será a probabilidade da venda acontecer. 

Na área de marketing, é possível mencionar que existem vários meios de potencializar as ações e trazer um maior número de pessoas para perto da marca, o que gera vendas. Mas é preciso ficar atento e garantir a melhor experiência possível ao consumidor.

Diante disso, é interessante explorar as ferramentas oferecidas pelo marketing para promover o que há de melhor para o público, o que pode ser um fator determinante para que uma pessoa compre a sapata niveladora que está sendo vendida. 

Isso pode ser visto em qualquer segmento. Por isso, não há desculpas para adiar ainda mais a possibilidade de vender mais. O marketing sensorial se mostra uma opção interessante para atrair o público mais facilmente. 

Nada mais justo e convidativo do que atrair as pessoas pelos sentidos humanos. De fato, são eles que guiam boa parte das decisões dos indivíduos e, por isso, se tornaram uma área explorada dentro das estratégias de marketing. 

Sendo assim, vale a pena conhecer mais sobre essa estratégia, que pode impactar de modo especial os negócios físicos, em lojas, pontos de venda ou estabelecimentos do varejo de diferentes segmentos. 

Para entender mais sobre o marketing sensorial, entendendo do que ele se trata, se realmente há uma influência dele no aumento das vendas e também para conhecer dicas de aplicação que trazem mais lucros, não deixe de ler este artigo até o fim. 

O que é marketing sensorial? 

Seja para comprar uma persiana romana sala ou para levar um lanche para casa, qualquer pessoa utiliza pelo menos algum dos seus sentidos para definir o que está adquirindo. 

Os cinco sentidos humanos são elementos que contribuem não apenas para a manutenção da vida, mas que também estão sendo utilizados de forma especial para tornar ações de marketing mais assertivas. Os sentidos humanos são:

  • Visão;
  • Olfato;
  • Paladar;
  • Audição;
  • Tato.

O marketing sensorial desenvolve estratégias que se utilizam de estímulos sensoriais para atrair a atenção dos potenciais clientes e permitir que, diante de uma boa experiência, o desejo de compra seja despertado mais facilmente. 

Sendo assim, é possível colocar em prática algumas ações de branding que permitam a criação de um ambiente estimulante, no qual o cliente percebe a sua necessidade em adquirir um determinado produto. 

É comum que mais de um sentido seja trabalhado ao mesmo tempo em uma estratégia de marketing sensorial. Ao ser despertado pelos seus sentidos, o cliente obtém uma maior sensação de bem-estar.

Ao entrar nessa atmosfera sensorial, ele pode se dar conta de que encontrará ali uma solução para uma determinada necessidade. 

De fato, assim como a compra de uma urna funerária biodegradável traz sentimentos que precisam ser gerenciados pelo comprador, o marketing sensorial tem a função de despertar sensações em uma pessoa, ajudando-a a tomar uma decisão. 

A depender do tipo de estabelecimento que utiliza o marketing sensorial, a estratégia pode ser a de unificar duas ou mais ações sensoriais que ajam de maneira simultânea, o que impactará diretamente na experiência de quem está na loja.

Entre os recursos que podem ser utilizados nessa estratégia estão os aromas, as vitrines luminosas, as músicas e as degustações de produtos. Todos esses elementos podem ser utilizados para conferir um maior conforto ao cliente. 

Afinal, uma pessoa que prova um doce em uma loja, ou uma que sente o aroma de um perfume agradável ao entrar em um estabelecimento de pet shop para comprar cachorro pode ser profundamente impactada, o que facilita a sua tomada de decisão de compra. 

Ele realmente influencia no aumento de vendas? 

Em um primeiro momento, pode parecer que o marketing sensorial não se trata de uma ação eficaz. No entanto, esse é um erro que precisa ser contornado para que a utilização da estratégia possa trazer resultados o quanto antes.

Qualquer companhia do mercado hoje sabe que a boa experiência de um cliente é essencial. Essa informação é validada por especialistas de marketing, que já entenderam a importância desse ponto. 

É preciso mencionar que o marketing sensorial é uma ferramenta benéfica para as empresas. Na prática, ele vai influenciar no aumento de vendas porque é capaz de criar um vínculo emocional da companhia com o público.

O primeiro resultado disso pode ser a fidelização de clientes, que se sentem tão bem ao visitar uma loja para comprar uma agulha para acupuntura auricular que desejam sempre voltar por ali para adquirir novos itens. 

Por conta disso, a receita de vendas da loja se torna maior, uma vez que a relação com o cliente foi estabelecida. Ao mesmo tempo, a empresa constrói a sua identidade e promove a compra de produtos de forma mais agradável e atrativa para o público. 

Por isso, é possível dizer com tranquilidade que o marketing sensorial é uma ferramenta indispensável para empresas que desejam vender mais e garantir que a experiência dentro do seu estabelecimento seja a melhor possível para o público. 

4 dicas para fazer marketing sensorial e lucrar mais

Depois de entender melhor o conceito do marketing sensorial e alguns dos seus efeitos, que podem ser vistos tanto na compra de um braço robótico industrial quanto na realização de uma refeição em um restaurante, é necessário saber como aplicar essa estratégia.

Para tanto, colocar em prática algumas dicas simples e funcionais pode ser o melhor caminho para oferecer a melhor experiência ao cliente. Veja a seguir algumas delas. 

1. Invista em uma decoração bonita

Levando em consideração o sentido da visão, uma das maneiras de aplicar o marketing sensorial para lucrar mais é investindo em uma decoração bonita do espaço de uma loja. 

Utilizar cores harmônicas, móveis de qualidade e apostar em itens que deixam o ambiente mais aconchegante, como poltronas ou sofás com almofadas, é um modo de unificar também o sentido do tato. 

Portanto, para trabalhar o marketing sensorial de modo prático, é fundamental deixar o visual do estabelecimento mais atrativo, o que fará com que os visitantes se sintam mais à vontade.

2. Escolha um perfume e aplique constantemente

Uma loja que vende perfumes já é suficientemente cheirosa em todas as vezes que se entra no local. Mas mesmo em um laboratório que realiza exame coproparasitológico veterinário, por exemplo, é possível aplicar estratégias de marketing sensorial.

Escolher um perfume com aroma agradável e aplicá-lo no espaço de tempos em tempos é um modo de fazer com que o ambiente esteja sempre receptivo ao público, que poderá se sentir mais acolhido em um espaço com um aroma mais fresco e marcante.

3. Monte uma trilha sonora coerente

É comum entrar em estabelecimentos que já utilizam músicas para deixar o ambiente mais descolado. No entanto, a escolha da trilha sonora deve ser cuidadosa, levando em conta as características da empresa e do público.

Por isso, é fundamental selecionar estilos musicais de acordo com a temática da empresa. Uma clínica médica, por exemplo, deve optar por sons menos barulhentos ou pesados, enquanto uma loja de roupas em liquidação pode apostar em músicas mais animadas.

4. Crie um espaço para degustação

Em um restaurante, uma cafeteria ou até um supermercado que ofereça produtos para consumo imediato, uma forma de usar marketing sensorial é montar um espaço para degustação de produtos. 

Essa é a frente que pode trabalhar o sentido do paladar, de forma que faz sentido apresentar ao público os produtos que são comercializados ali, dando a oportunidade para que eles provem e conheçam melhor os alimentos. 

Essas são apenas algumas dicas de marketing sensorial que fazem com que a empresa tenha melhores resultados no seu trabalho, o que pode ser o passo que faltava para aumentar a lucratividade no dia a dia.

Considerações finais

Toda empresa, seja ela especializada em limpeza em condomínio residencial ou em venda de móveis de escritório, precisa apostar em estratégias para tornar o seu negócio mais atrativo e interessante para o público.

O marketing sensorial é um recurso que merece atenção. Isso porque garante que o consumidor tenha experiências cada vez melhores com uma marca, o que gera diversos benefícios, como o da fidelização de clientes.

Por isso, para quem está em busca de ferramentas para otimizar as vendas, a dica é utilizar o marketing sensorial como modo estratégico de captação e fidelização de clientes, gerando assim retornos cada vez maiores para a companhia.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Postagens relacionadas
Marketing Digital

Como o design pode te ajudar a atrair vendas

3 Mins read
Todo mundo já deve ter ouvido a máxima de que “uma imagem diz mais do que mil palavras”. Contudo, nem todos sabem…
Marketing Digital

Treinamento online: saiba os benefícios

3 Mins read
Com a introdução da tecnologia cada vez maior dentro da sociedade, algumas práticas que anteriormente eram feitas apenas de modo presencial, passaram…
Marketing Digital

Marketing de influência: dê os primeiros passos

3 Mins read
Nos últimos anos a esfera digital tem mostrado todo seu potencial em relação à publicidade, divulgação e expansão de uma marca. Nesse…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *